No dia 31 de maio o Coren-SP organizou o “Anima São Paulo”, que contou com a parceria do Serviço de Atendimento Médicos de Urgência (SAMU), da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP), da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente e do Conselho Regional de Educação Física da 4ª Região (CREF4/SP). O evento aconteceu no Parque do Ibirapuera e marcou o encerramento das atividades da Semana da Enfermagem 2017.

Entre 8 e 14 horas a população do Parque do Ibirapuera pode contar com aulas práticas gratuitas de Primeiros Socorros em Parada Cardíaca (RCP), com bonecos para simulação cedidos pela SOCESP, a exposição de uma UTI Móvel, a entrega de material sobre primeiros socorros e a orientação dos instrutores do SAMU sobre como utilizar corretamente o 192.

As atividades oferecidas foram selecionadas baseadas em alguns números surpreendentes como:

• As doenças cardiovasculares estão entre as principais causas de óbitos no país e foram responsáveis por 3.153.175 mortes entre 2004 e 2013 (SOCESP). Cerca de 52% dos óbitos ocorrem antes de a vítima chegar ao hospital ou de receber pré-atendimento;

• Um levantamento feito nos Serviços de Atendimento Móvel de Urgência (SAMUS) do Alto Tietê revela que 50% das ligações direcionadas ao serviço são desnecessárias. Algumas não têm caráter de emergência e outras são trotes que, na maioria das vezes, são feitos por crianças.

E, mostrando engajamento ao Dia do Desafio (Challenge Day), comemorado no dia 31 de maio, o Coren-SP contou com a presença da Profª Vivian Rubio, representando o CREF4/SP, para ministrar aulas de alongamento, exercício físico e relaxamento.

O Dia do Desafio, criado nos anos 80 no Canadá, é difundido mundialmente pela The Association For International Sport for All (TAFISA), entidade de promoção do esporte para todos, sediada na Alemanha. Seu objetivo é incentivar a prática regular de atividade física e esportiva para a manutenção da saúde.

Por: CREF4/SP

Print Friendly, PDF & Email

 Este post não tem tags para mostrar.